Meu perfil
BRASIL, Sudeste, Mulher, Portuguese, English, Arte e cultura, Animais








Histórico:

27/05/2012 a 02/06/2012
10/07/2011 a 16/07/2011
05/12/2010 a 11/12/2010
26/09/2010 a 02/10/2010
12/09/2010 a 18/09/2010
02/05/2010 a 08/05/2010
25/01/2009 a 31/01/2009
18/01/2009 a 24/01/2009
07/12/2008 a 13/12/2008
02/11/2008 a 08/11/2008
10/08/2008 a 16/08/2008
03/08/2008 a 09/08/2008
27/07/2008 a 02/08/2008
20/07/2008 a 26/07/2008
13/07/2008 a 19/07/2008
06/07/2008 a 12/07/2008
22/06/2008 a 28/06/2008
15/06/2008 a 21/06/2008
08/06/2008 a 14/06/2008
01/06/2008 a 07/06/2008
25/05/2008 a 31/05/2008
11/05/2008 a 17/05/2008
04/05/2008 a 10/05/2008
27/04/2008 a 03/05/2008



Outros sites:

- UOL - O melhor conteúdo
- BOL - E-mail grátis


Votação:

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog


Contador:

Layout:




VIDAS DA VIDA

CONT.

Vidas da Vida é a estória de alguém a espera de um reencontro com a pessoa amada, após 30 anos. Talvez a espera de um milagre que mude toda sua vida. Se o milagre acontecerá ou não,vocês verão no decorrer dos capítulos. Só sei dizer que a vida reserva surpresas...

 
Obs: O "Vidas da Vida" , é baseado em fatos reais. Marie e Juan não são apenas personagens, são pessoas que existem. Apenas, seus verdadeiros nomes foram preservados e os locais da estória alterados. Muitas coisas ainda acontecerão na vida de Marie...
Vcs se surpreenderão...

CAPITULO 9

Chegamos ao hospital e minutos depois estava sendo atendida pelo ortopedista Dr.Gimenéz. Ele era um senhor de meia idade muito gentil. Me disse que parecia não haver fratura , mas uma forte torção. E me encaminhou ao raio-X. Naquele instante, ele foi chamado para uma emêrgência, e me informou que o Dr.Sanchez, seu auxiliar , terminaria minha consulta, mas que não me preocupasse pois ele era um "residente"  muito competente. Após ao raio-X , voltei ao consultório levada por um enfermeiro em uma cadeira de rodas, que me pediu que aguardasse o doutor que viria logo.
 Estava sentada na cadeira, de costas para a entrada do consultório. Escutei o ruído da porta sendo aberta e senti algo diferente no ar... uma sensação de bem-estar, como se um "Anjo" tivesse acabado de adentrar! Vi um jovem médico de branco passando ao meu lado com minha ficha médica nas mãos. Não vi seu rosto até que ele chegasse à mesa.
Ao ler minha ficha e me fitar, ficamos meio que hipnotizados, olhando um para o outro. Então ele sorriu e me perguntou:
-És tú? Marie? La niña Marie?
Tive a sensação de que um homem fantasiado de anjo, havia
descido das nuvens e encantado meus sonhos!
Sí, Juan ! Soy Yo!!!
Era ele, na minha frente, meu Juan que tanto procurei e sonhei.
Aquele homem, naquele instante, me trazia a felicidade para que eu me libertasse de minhas dores! Acordou um sentimento que o tempo tinha esmagado... Sorrimos muito e nossos olhos ficaram cheios d`água... Ele me disse que tinha ido morar em Buenos Aires  para fazer a faculdade, pois tinha um irmão mais velho que residia e tinha um comércio (una tienda) lá, e ele estava concluindo o curso de medicina.
Alguns minutos depois, fomos interrompidos por uma outra residente, que  disse que meu marido estava na recepção, e queria saber notícias.
Naquele momento , acordamos do sonho e voltamos a realidade.
Ele me apresentou àquela jovem, que além de colega de trabalho, era sua noiva, e contou que fui seu grande amor da infância. Contive minhas lágrimas e senti o gosto amargo da tristeza.
Apesar de não haver fratura, tinha de ficar 15 dias com o pé imobilizado.  Ele me receitou um anti-inflamatório e recomendou que não pisasse naquele primeiro dia, repousasse.
Nos despedimos com um sorriso sem graça, com gosto de "quero mais"... Nos beijamos no rosto e disse ... "Até um dia!!!"
Ele respondeu : "Um dia nos re-encontraremos!"
E eu sorrindo disse: "Quem sabe, daqui a dez, vinte ou trinta anos..."
Sorrimos...
 E saí do consultório,  levada por um enfermeiro. Meu marido me aguardava.
Nos dias que se seguiram eu estava diferente, num mundo de sonhos no qual eu não podia sonhar... Ficamos ainda mais alguns dias um Buenos Aires, passeando sem poder andar muito, e finalmente retornamos ao Brasil , pra viver a nossa nova realidade.

CAPITULO 10

Chegamos à Gramado, na nossa querida casinha, eu ainda  com o pé imobilizado. Mas, logo fiquei bem! Só queria  as cores do arco - íris para que eu pudesse atravessar meu destino.
Apesar do meu marido ser gentil , não era o que eu esperava para ser o "meu homem"! Me sentia só...!
Meu marido trabalhava e eu não! Alguns dias, ainda jogava futebol-de-salão, à noite! E eu mais só, ainda...
Algumas noites de solidão, me sentava no jardim, contemplava o céu e pedia uma estrela, para  sentir sua beleza, iluminar meu jardim, meu coração e minha alma. E no final, a solidão me fazia ressuscitar, um passado onde o amor ficou perdido.
Fiz amizade com Sandra,irmã de um amigo de Flávio. Era a únia amiga que tinha. Um dia, tivemos a idéia de abrirmos uma loja de decoração de interiores e móveis rústicos, também!


 Tanto Sandra quanto eu, gostávamos de pintura, fazíamos alguns artezanatos e  meu sogro tinha uma fábrica de móveis, que também poderia fornecer os móveis, que gostássemos, para podermos ser revendedoras. E deu certo, achamos um imóvel vazio e montamos nossa linda loja, nosso pequeno sonho!!!

Os meses foram se passando, nosso pequeno negócio indo de "vento-em-popa"! Um dia , uma surpresa... eu estava grávida!!!  Não esperávamos!  Mas ficamos felizes! Para mim seria um serzinho para eu acariciar, um carinho para  acordar em meus braços. ...
E pouco tempo depois, tivemos uma nova surpresa... eram gêmeos!!!



- Postado por: Maryam às 11h12
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________