Meu perfil
BRASIL, Sudeste, Mulher, Portuguese, English, Arte e cultura, Animais








Histórico:

27/05/2012 a 02/06/2012
10/07/2011 a 16/07/2011
05/12/2010 a 11/12/2010
26/09/2010 a 02/10/2010
12/09/2010 a 18/09/2010
02/05/2010 a 08/05/2010
25/01/2009 a 31/01/2009
18/01/2009 a 24/01/2009
07/12/2008 a 13/12/2008
02/11/2008 a 08/11/2008
10/08/2008 a 16/08/2008
03/08/2008 a 09/08/2008
27/07/2008 a 02/08/2008
20/07/2008 a 26/07/2008
13/07/2008 a 19/07/2008
06/07/2008 a 12/07/2008
22/06/2008 a 28/06/2008
15/06/2008 a 21/06/2008
08/06/2008 a 14/06/2008
01/06/2008 a 07/06/2008
25/05/2008 a 31/05/2008
11/05/2008 a 17/05/2008
04/05/2008 a 10/05/2008
27/04/2008 a 03/05/2008



Outros sites:

- UOL - O melhor conteúdo
- BOL - E-mail grátis


Votação:

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog


Contador:

Layout:




Um Conto de Natal:



 "Uma Noite de Reflexão"


A sala à meia luz. A tv está ligada,mas na verdade não estava sendo assistida. Uma chuva fina era vista pela janela semi-aberta. E numa cadeira de balanço antiga, estava Helena. Aquela mulher com marcas de sofrimento , cujo tempo deixou em seu rosto, estava envolta em seus pensamentos, poderia dizer que sonhava acordada. Lembranças vinham à sua mente. Tempos distantes... quantas vezes viu sua velha mãe sentada naquela mesma cadeira, que passou a ser ocupada por ela...Mas uma diferença havia, a sala agora estava vazia!

Num canto da sala , uma mesa redonda e uma toalha vermelha rendada. Um cesto com frutas, um prato  com rabanadas, uma garrafa de vinho tinto, um peru assado rodeado de farofa e ameixas pretas indicavam que era uma noite especial.

No outro canto , próximo à tv, uma árvore de natal, cujo colorido dos pisca-piscas iluminavam aquele ambiente sombrio, cuja tristeza era apenas quebrada pelo som da televisão.

Helena algumas vezes fechava os olhos, a recordar um passado distante. Sonhava com os tempos de criança, quando ia dormir ansiosa , à espera do presente que encontraria sobre seus chinelinhos na manhã seguinte. Solidão havia,mas também alegria de receber o brinquedo e poder brincar com as meninas da vizinhança no dia seguinte.

Agora ,o tempo passou e já não brinca mais... Mas,os presentes estavam  embaixo da árvore à espera de que viessem recebê-los.

Os olhos daquela triste mulher estavam "mareados", pelas recordações de um tempo que tão rápido passou... 

Como a vida muda, pensava ela. "Será que só existe vida na juventude?" É o que perguntava à si mesma.

Mas,ela não se sente tão só, ao sentir "Preciosa", uma velha gatinha listrada, deitadinha aos seus pés. Preciosa poucas vezes miava, apenas quando sentia fome, mas como seu pratinho estava sempre cheio, raramente seu miado era ouvido. Helena apenas, sentia seu pêlo macio encostado em suas  cansadas pernas.

Helena olhava a pequena ceia sobre a mesa, mas não sentia fome. E por sua vez , Preciosa também não tocava a ração em seu prato. Se sua dona não comia, ela também, fome não sentia...

Vozes e risos eram ouvidos de casas vizinhas ou de pessoas que por perto passavam . Ouviam-se pessoas desejando "Feliz Natal", umas às outras. Mas, naquele momento, Helena não sabia bem o significado daquela saudação: "Feliz......Natal......!"  Parecia ser algo tão remoto! Saudades de uma casa cheia...!

Mais uma vez a solitária senhora, não tão idosa assim, mas sofrida pelas peripécias que a vida lhe proporcionou , fechou os olhos e acabou adormecendo , por alguns muitos minutos...

Até que subitamente, foi despertada pelo ruído da porta que se abria. E surgiu uma linda menina , de aproximadamente cinco anos, correndo em sua direção , gritando: - Vovó,vovó!!! Cheguei!!! Olha seu presente aqui!!!

 Agora,sim! Era "Noite de Natal"!

 

(texto by- Mary.am)



- Postado por: Maryam às 08h59
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________